Hospital Santa Izabel

Categoria: Hospital Filantrópico

Critério: Inovação

Hospital de Ensino e Pesquisa (Certificado pelos Ministérios da Saúde e Educação) - Integrante da Rede Nacional de Pesquisa – RNP; Núcleo Hospitalar de Epidemiologia - Nível II (MS); Acreditação por Excelência, concedida pela ONA; Centro Colaborador da Rede Sentinela – ANVISA, Certificado pelo Ministério da Saúde como UNACON; Centro de Referência em Cardiologia e Ortopedia (MS); Referência regional para Infarto Agudo do Miocárdio; Entre os 5 maiores volumes de cateterismos do país; maior volume de cirurgias cardiovasculares da Bahia; terceiro volume cirúrgico em oncologia da Bahia. Alta Complexidade em Oncologia (UNACON). Um total de 549 leitos; 85 leitos de UTIs e 24 leitos na Unidade de Transição de Pacientes, 3 salas de hemodinâmica, 13 salas de cirurgia, 39 especialidades, 157 vagas em residência médica, 3 programas de residência multiprofissional. Mais de 12 mil cirurgias/ano, 145 mil consultas, 1,9 milhão de exames laboratoriais/ano e procedimentos ambulatoriais/ano. Mais de 2 mil pacientes/dia, mais de 3.600 colaboradores e mais de 2.200 profissionais médicos cadastrados, sendo 360 pertencentes ao Corpo Clínico. O direcionamento atual aponta para a expansão e adequação da estrutura física e a maior qualidade e segurança no cuidado com o paciente, o desenvolvimento de novos e relevantes projetos de ensino e pesquisa e a abrangência dos programas que o Hospital Santa Izabel conduz para apoiar o desenvolvimento do Sistema Único de Saúde (SUS). As inovações que vem sendo implementadas no Hospital Santa Izabel, da Santa Casa da Bahia, foram planejadas com o envolvimento dos gestores do Núcleo Executivo e o apoio da Fundação Dom Cabral, renomada Escola de Negócios que trabalha de forma conjunta com a Instituição para promover o contínuo aprimoramento de todos os serviços ofertados à população e criar soluções que resultem na evolução dos negócios e no crescimento sustentado. Nesse processo, o Santa Izabel passou por mudanças, aperfeiçoou e implantou processos de gestão, reduziu custos e definiu seu planejamento estratégico. Resultados e avanços continuam sendo registrados. Recentemente manteve sua tradição de pioneirismo ao tornar-se o primeiro hospital baiano a alcançar a mais alta certificação de qualidade nos procedimentos de hemodinâmica e cardiologia intervencionista. Com a conquista do selo diamante, conferido pela Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista (SBHCI) em parceria com o IQG - Health Services Accreditation, adentrou num seleto grupo de seis hospitais brasileiros que possuem essa distinção. Ela atesta o compromisso com a qualidade e segurança dos procedimentos Para obter essa conquista, o Serviço de Hemodinâmica, que completou a expressiva marca de 100 mil procedimentos realizados, passou por amplo processo de avaliação, treinamentos, adaptações, aquisições de novas tecnologias e estruturação da equipe de profissionais. Outro passo importante foi a implantação pioneira no Norte e Nordeste do Projeto de Avaliação de Performance do Corpo Clínico. O foco dessa solução, que envolve desenvolvimento de software e estratégias de gestão de pessoas, é aprimorar a estratégia de governança clínica, estabelecendo uma avaliação de desempenho individual do médico que esteja alinhada com a estratégia da instituição. Ao estruturar esse programa de performance, o hospital busca aumentar a eficiência e a efetividade, minimizar riscos, melhorar a qualidade assistencial e a participação em atividades de ensino e pesquisa. É uma forma também de identificar áreas nas quais precisa reforçar treinamento ou incentivar a atualização científica.

Critério: Credibilidade / Assistência

O Hospital Santa Izabel é "Acreditado com Excelência - Nível 3". Esse nível máximo de certificação - que foi mantido este ano após visita dos avaliadores ao hospital em janeiro último - reconhece o compromisso da instituição com a melhoria continua da qualidade da assistência e a segurança do paciente. No Brasil, menos de 2% das unidades de saúde possuem essa certificação máxima de excelência. A metodologia foi a da Organização Nacional de Acreditação (ONA) que, dentre outros aspectos, prioriza a segurança do paciente, o gerenciamento de risco e da rotina e os indicadores de qualidade e desempenho. A acreditação no Santa Izabel envolveu ainda a melhoria de fluxo e um processo de educação, entendimento, integração e relacionamento entre as equipes profissionais. Tudo isso aliado a um modelo de gestão, dimensionado para aferir as atividades que podem impactar positivamente ou negativamente no paciente. Como diretriz institucional, o projeto inseriu com a devida importância o conceito de Governança Clínica, ampliou a política de segurança do paciente e a busca contínua pela melhoria da qualidade. Hoje, o Santa Izabel tem instrumentos de gestão que o possibilita se comparar com as melhores práticas médicas e assistenciais do país. Outro ponto que impacta positivamente na credibilidade do Santa Izabel com as operadoras de saúde suplementar, fornecedores e governo é a forma cordial, transparente e resolutiva com que a equipe de gestão promove ações no cotidiano; sempre muito exigente, porém seguindo a premissa institucional honrar com os compromissos assumidos na forma e no conteúdo, tempestivamente. O Hospital tem sido visto pelo mercado como uma das melhores opções em custo-benefício, tanto do ponto de vista do comprador de serviços (operadoras) como do vendedor (fornecedor). Importante registrar que a Santa Casa da Bahia mantém em pleno funcionamento a Casa de Saúde Solange Fraga, em Nazaré, onde atende dezenas de crianças por mês, portadoras de cardiopatias ou acometidas pelo câncer. Nesse equipamento, as crianças e seus familiares ficam hospedados e recebem apoio até o tratamento ser finalizado. Podemos afirmar que seguimos no caminho desejado para integrar e fortalecer cada vez mais os eixos que são a essência secular de nosso trabalho.

Critério: Novos investimentos

O Hospital Santa Izabel vem passando por uma das mais abrangentes e significativas reestruturações de sua história. Investimentos estão sendo feitos para adequar e expandir instalações físicas, ampliar serviços, adotar novas tecnologias, capacitar profissionais, incrementar a produtividade, melhorar o acolhimento, segurança e acessibilidade de pacientes. Em 2016, a Santa Casa da Bahia investiu recursos próprios e inaugurou as novas instalações da Unidade de Pediatria do Hospital Santa Izabel. O espaço, situado no 2º andar da Pediatria, foi cuidadosamente reformado, recebeu intervenções que priorizaram o aumento do conforto, qualidade e segurança de pacientes e profissionais de saúde e agora abriga uma bem estruturada unidade pediátrica com 22 leitos. O Serviço de Pediatria do Hospital Santa Izabel Prof. Hosannah de Oliveira beneficia pacientes do SUS e usuários de planos de saúde suplementar. É um dos mais completos do estado, contando também com equipe multiprofissional qualificada e pronto atendimento com 15 leitos, além de UTI pediátrica com 16 leitos e um total de 52 leitos. Destaque também a implantação de um grupo multidisciplinar para a discussão e implantação de um Programa de Stewardship de Antimicrobianos, que iniciou com a revisão dos protocolos clínicos e divulgação dos mesmos. O Programa de Stewardship vem promovendo ganho significativo de farmacoeconomia direta com as drogas e indireta com a redução da taxa de permanência de pacientes (desospitalização). O Santa Izabel também alcançou expressiva melhora do perfil de multirresistência dos germes da microbiota hospitalar em 2016, quando comparado ao ano de 2015. Outras estratégias para redução de custos e de apoio à segurança do paciente foram implantadas. Com a metodologia Lean Six Sigma (LSS), por exemplo, estão em execução mais de 40 projetos para melhorar processos, o atendimento aos pacientes, reduzir desperdícios e aumentar a produtividade. No total, foram formados mais de 200 profissionais, que tornaram-se multiplicadores dentro da instituição. A aplicação do Lean Six Sigma e suas respectivas ferramentas vem impulsionando o hospital a alcançar excelência em seus processos, reduzindo os desperdícios e aumentando a produtividade. A infraestrutura da rede de tecnologia da informação e comunicação foi objeto de ação progressiva nos últimos três anos. Foram investidos mais de R$ 10 milhões nesse setor, o que contribuiu para criar um ambiente tecnológico de alta integração tecnológica. Outro avanço foi registrado no aumento da velocidade e na capacidade de armazenamento do processamento dos dados. A reformulação envolveu ainda a criação de uma nova e ampliada rede wi-fi. Como projetos de humanização inseridos na rotina hospitalar merecem destaque o de navegação (condução dos pacientes para realização dos procedimentos em tempo mais rápido), música itinerante e piano, além do passeio com pacientes em cuidados paliativos.

Critério: Visibilidade de mercado

O Hospital Santa Izabel vem dando novo impulso às estratégias de marketing e comunicação corporativa, alcançando resultados positivos. No ano passado, de forma alinhada com o planejamento corporativo, foi desenvolvido um intenso trabalho de comunicação com veiculação de campanhas externas e internas, além da realização de ações, eventos e campanhas educativas e endomarketing como Outubro Rosa, Novembro Azul, Setembro Dourado, entre outras. As ações foram realizadas por meio de uma multiplicidade de anúncios físicos e virtuais em diversos formatos como cartazes, painéis, placas, murais, outdoor, folders e flyers, além de conteúdos pra TV e imprensa escrita. A Santa Casa da Bahia iniciou em 2016 uma atuação mais adequada e interativa no ambiente online, com a estréia nas redes sociais e lançamento de novos sites e reformulação dos já existentes. Tudo isso vem contribuindo para reforçar a importância da Instituição e aproximá-la ainda mais da população usuária dos seus serviços. A implementação de uma nova estratégia de comunicação tem contribuído para ampliar o valor histórico da Instituição e, portanto, do trabalho de amplo alcance social que o Hospital Santa Izabel desenvolve em prol da população. O reconhecimento pela excelência nos serviços prestados acontece também por meio da conquista de prêmios. Em 2016, o Santa Izabel foi contemplado com o Prêmio Benchmarking Saúde nas categorias hospital filantrópico e hospital compliance. O Provedor da Santa Casa, Roberto Sá Menezes, foi eleito Personalidade do Ano na Categoria Gestor na Saúde, do prêmio Líderes da Saúde Norte e Nordeste. Ele também foi reconhecido como uma das 100 Personalidades mais Influentes na Saúde, na categoria nacional filantropia. Outra conquista foi o Prêmio Ser Humano Luiz Tarquínio, da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH) 2016, na modalidade Responsabilidade Social/Gestão de Pessoas. Merece destaque também o substancial reforço no relacionamento institucional com os parceiros internos e externos, por meio de contato direto do corpo diretivo da instituição e da equipe de Comunicação e Marketing. Parcerias foram firmadas com veículos de comunicação, ampliando a atração de mídia espontânea. Outra ação estratégica relevante foi a promoção do Simpósio Satélite de Decisões Compartilhadas em Cardiologia, durante a realização do 28º Congresso de Cardiologia do Estado da Bahia. Na ocasião, o heart team do hospital apresentou discussão plenária de casos clínicos complexos. o Santa Izabel também promoveu e apoiou de uma série de outros eventos como seminários, simpósios, fóruns interdisciplinares e outras atividades de capacitação e atualização científica Em todas as ações que desenvolve, a exemplo de uma série de patrocínios de eventos de cunho científico, mantém relacionamento ético, cordial e igualmente vantajoso com todos os atores do mercado que visam assistir à população com qualidade e eficiência.