DayHorc

Categoria: Ação Social

Critério: Escores de desempenho

FURC - Desde 1987, a Fundação Regina Cunha – FURC, sem fins lucrativos, promove a equidade do acesso a saúde ocular e os direitos da pessoa com deficiência visual – assumindo a educação como ferramenta. Localizada em Itabuna, já contribuiu para que mais de 33 mil pessoas tivessem acesso à saúde ocular de qualidade. Prevenção da cegueira na infância e reabilitação visual somam-se à qualificação profissional e assistência oftalmológica à população desassistida, atuando sobre as principais causas de cegueira no Brasil: que são a catarata, o glaucoma, a retinopatia diabética e o DMRI (entre outras). BRILHAR - Desde 2012, a FURC mantém o Centro de Reabilitação Visual BRILHAR serviço de baixa visão e reabilitação de pessoas com baixa visão ou cegueira, 100% filantrópico. O Brilhar conta com equipe multiprofissional composta por oftalmologistas, psicóloga, educadora física, fisioterapeuta e pedagogo. A Reabilitação Visual, que é a assistência especializada às pessoas com deficiência visual, visa à sua autonomia, compreendendo o desenvolvimento global do sujeito em seu contexto social e familiar. Por meio de recursos terapêuticos, tecnológicos e educacionais, o Centro busca potencializar a capacidade visual, física, intelectual, dar apoio educacional, profissional e emocional, para garantir os direitos, a qualidade de vida e a participação econômica e social deste público. São realizados em média de 350 procedimentos por mês, com 58 pacientes matriculados, frequentando dois atendimentos semanais para cada um deles, entre aulas de Orientação e Mobilidade, Treino de Auxílios Ópticos, Estimulação Visual, Aulas de Braille, Atendimento Psicológico e Grupos Terapêuticos e de Convivência Social e Lúdica. No Dia Mundial da Visão, a FURC adere à data da OMS para mobilizar opinião pública sobre a promoção da Saúde Ocular. Em 2016, realizou de forma voluntária e gratuita 96 testes do olhinho, 29 mapeamentos de retina em bebês; 80 consultas Oftalmológicas, 200 testes de Acuidade Visual, 200 exames de tonometria para prevenção do Glaucoma, 250 testes de acuidade visual em escolas, Exposição educativa e lúdica com visitação de grupos em idade escolar. A campanha educativa teve stand no shopping center Jequitibá, em Itabuna, com distribuição de cartilhas e Boletim Informativo “Outro Olhar”. As comemorações contaram ainda com visitas a 4 escolas, 2 maternidades. Alcance direto: 920 indivíduos assistidos, 60 voluntários e alcance Indireto de 3 mil pessoas. Certificou e capacitou em 2016 mais de 130 profissionais, entre médicos enfermeiras, agentes e profissionais de saúde pública e privada, e de professores da rede pública. A FURC também consolidou parceria com o Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia – PTMO, do DayHORC, com o Ministério Público Estadual - MPE, a Associação de Cegos do Sul da Bahia - ACSB, Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência – COMPEDE, Conselho Municipal de Assistência Social – CMAS e Conselho Municipal da Criança e do Adolescente – CMDCA, além de celebrar acordo de Cooperação Técnica com a Secretaria de Saúde do Município de Itabuna. Parceria com Voluntárias Sociais da Bahia – Em fevereiro deste ano, cerca de 200 idosos foram atendidos por um mutirão de cirurgias de catarata, no DayHORC, em Salvador. A iniciativa promovida pelas Voluntárias Sociais da Bahia permitiu que estes idosos voltassem a enxergar para realizar normalmente as atividades do dia a dia. Foi uma ação gratuita, realizada na sede do DayHORC, localizada no Hospital da Bahia, como continuação das atividades iniciadas em dezembro pelo projeto Natal Solidário, coordenado pela primeira-dama do Estado e presidente das Voluntárias Sociais, Aline Peixoto, que contou com total apoio do DayHORC, que realizou todas as cirurgias com uma equipe multidisciplinar engajada e empenhada nesta ação voluntária.

Critério: Relevância para a sociedade

Ação Brilhar possibilitou autonomia e inserção social ao indivíduo que fez parte do projeto, compreendendo o desenvolvimento global do sujeito em seu contexto social e familiar. Ação do Dia Mundial da Visão teve alcance direto: 920 indivíduos assistidos, 60 voluntários e alcance Indireto de 3 mil pessoas. Certificou e capacitou em 2016 mais de 130 profissionais, entre médicos enfermeiras, agentes e profissionais de saúde pública e privada, e de professores da rede pública. Voluntárias Sociais da Bahia permitiu aos 200 idosos que participaram da ação, a dádiva de voltar a enxergar para realizar normalmente as atividades do dia a dia.